OAB não anula nenhuma questão da 1ª Fase do XX Exame

0
notas
0
likes
0
notas
0
likes

A OAB não anulou nenhuma questão da 1ª Fase do XX Exame de Ordem. O anúncio foi feito hoje, em conjunto a divulgação com a resposta dos recursos apresentados pelos candidatos. O candidato pode conferir neste link a resposta individual do seu recurso.

 


>  FGV confirma quem passa no Exame da OAB



Em nota, a FGV, responsável pela organização do Exame informou que “a Coordenação Nacional do Exame de Ordem Unificado e a Fundação Getulio Vargas, após análise dos recursos interpostos, comunicam que não houve anulação de questão da prova objetiva do XX Exame de Ordem Unificado, sendo mantido integralmente o gabarito publicado no dia 24 de julho de 2016.

A 2ª Fase será aplicada no dia 18 de setembro. Nessa etapa, o bacharel tem que responder quatro questões dissertativas e elaborar uma peça prático-profissional da área escolhida no momento da inscrição.

 


Veja também:

Candidatos do Exame de Ordem: Quem são? Onde vivem? O que comem?
MEC proíbe Faculdade de abrir curso de Tecnólogo em Serviços Jurídicos
OAB XX Exame (Salvador): O erro da prova!
Conheça as obras do autor (Clique aqui!).

LEIA TAMBÉM
COMENTE
  • Allan

    Olha a favor de exame da ordem eu sou , mas monopólio de decisão inconstitucional e um absurdo (BRAsiuiuiuiuuiui).

  • Allan

    Será que, existe contraditório e ampla defesa?

  • Vanderley

    Simples assim. Pague outra vez!
    Se houvesse uma consciência de não se inscrever mais, a FGV/ OAB, tomaria vergonha e simplesmente Não comeria mais dinheiro suado dos bachareis em direito.
    Trocando em miúdos “OS JÁ INSCRITOS NA OAB QUE IRIAM PAGAR O PATO”.

  • Diego

    No ultimo exame foram 8 questões passiveis de anulação (10% da prova), e varios cursinhos com professores renomados apontaram as questões que eram no minimo incoerentes.
    Fica a pergunta, a quem pode recorrer o aluno que entrou com recurso contra a própria OAB, sendo essa quem julgou e determinou as regras. É no minimo incongruente não haver um auditor terceiro fazendo essa correção.

    É o poder de confeccionar a prova, avaliar, se avaliar e julgar a si mesmo. Isonomia, ampla defesa, contraditório são ilusões factóides criadas para se usar em qualquer instituto, salvo a OAB.