Homenagem a Orlando Gomes por Mario Roberto Carvalho de Faria

0
Comentários
0
likes
0
Coment.
0
likes

A sensação que tive ao ser convidado pelo Professor  Edvaldo Brito (coordenador da obra) para atualizar a obra Sucessões, do Professor Orlando Gomes, foi de imensa responsabilidade.

Lembro-me de que, durante um jantar, comentei com o Professor que o mestre Orlando Gomes não mencionava sequer um acórdão no livro Sucessões, ao que ele prontamente respondeu: “Mario Roberto, a jurisprudência vem a reboque de Orlando Gomes, e não Orlando Gomes a reboque da jurisprudência” . Assim nasceu o desafio.

Ter a honra de participar da obra de um dos mais respeitados civilistas brasileiros, cuja vida foi intensa como professor, advogado e jurista, trouxe um grande incentivo.

Acompanhar o pensamento de Orlando Gomes, a modernização do direito civil brasileiro, a sensibilidade com os fenômenos sociais, a visão moderna do direito de família foi extremamente difícil. Manter a clareza, a precisão e a simplicidade do autor foram pontos que procurei adotar, pois assim pensava o insigne jurista:  “A sua aspiração [trata-se do livro Direitos reais] é facilitar a aprendizagem. Não seria difícil nem penoso compilar abundante material e perpetrar grosso volume, pejado de transcrições e notas, a transpirar erudição as mais das vezes indigesta”. Assim era Orlando Gomes.

LEIA TAMBÉM
COMENTE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *