Busca da privacidade e a inveja dos outros

Busca da privacidade e a inveja dos outros por Tércio Sampaio Ferraz Jr.

0
Comentários
0
likes
0
Coment.
0
likes
Busca da privacidade e a inveja dos outros

Primum philosophari deinde vivere. Assim começa o 12º Seminário da Feiticeira.

O Seminário é resultado de encontros multidisciplinares promovidos pelo jurista e filósofo Tercio Sampaio Ferraz Junior, que se reúne, junto a amigos e alunos, anualmente, durante um final de semana, na praia da Feiticeira em Ilhabela para ricas apresentações e debates sobre temas palpitantes da contemporaneidade.

O resultado é essa viva e rica discussão sobre instigantes temas que certamente ajudam a compreender melhor nossa sociedade atual e algumas de suas mazelas:

Em meio ao turbilhão de novas tecnologias e a crescente conectividade, o tema da edição 2017 do Seminário da Feiticeira não poderia ser mais atual:

A privacidade ainda existe?

Abrindo o evento, o professor Tércio Sampaio Ferraz Jr. inicia o debate explicando o que é privacidade:

“…privacidade é um desses tantos substantivos que terminam em ade e que causam o maior problema… liberdade, verdade…”

 

Em seguida, o autor busca referências etimológicas alemãs, francesa e inglesas para ilustrar o significado da palavra privacidade. Nesta última, contextualiza que, segundo a Suprema Corte Americana, o termo privacy (privacidade em inglês) vai muito além da propriedade e domínio. Reflete liberdade.

Essa liberdade é tão constante na cultura americana que ganhou um significado ambíguo: de um lado algo valorado positivamente, individualidade, e de outro lado o isolamento é visto como algo pejorativo à imagem do homem.

Atiçado pela ambiguidade, Tércio reflete que a privacidade significa se reservar ao olhar invasivo do outro, também conhecido popularmente como olho gordo. Não obstante, o autor destrincha suas causas e relações com a privacidade.

“A inveja é inerente a vida social”

 

O filósofo ainda relaciona o ciúmes e privacidade com temas complexos da atualidade. Entre eles, o sigilo bancário, segredos comerciais e os casos de delação premiada:

“A justiça criminal ou a justiça pública, de modo geral, precisa da inveja latente de todos contra todos”

 

Por fim, analisa e exemplifica as relações e confusões entre publicidade e transparência e quais problemas surgem quando o equilíbrio entre as forças é desbalanceado.

 


Não deixe de conferir os outros debates da edição 2017 do Seminário da Feiticeira:

 


> Assista aos encontros anteriores (Clique aqui!)


 

Conheça as obras do professor Tércio Sampaio (Clique aqui)

LEIA TAMBÉM
COMENTE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.