Privacidade versus tecnologia por Cristiano Lincoln Mattos

0
Comentários
0
likes
0
Coment.
0
likes

O empreendedor e especialista em segurança digital, Cristiano Lincoln Mattos, trata de um tema extremamente polêmico, como essa discussão de privacidade aparece em tecnologia?

1) O elemento central são os dados (fotos, documentos, registros, comportamento online e offline, etc)

  • Como esses dados são gerados?
  • De quem são esses dados?
  • Como são guardados?
  • Estão devidamente protegidos?
  • Como são transmitidos?
  • Como são roubados?

2) Redes sociais = conectividade

3) Smartphones ubiquidade da computação – objetos mais íntimos.

________

Como surge esse modelo de negócios da internet // Contexto histórico // Ideais de liberdade ~> primeira geração de startups que conseguiram sucesso ~> utilização de dados

“quanto mais elas sabem sobre você, mais anúncios elas vão gerar, mais elas vão te influenciar, mais receita elas terão…”

 

Sucesso = Popularização ~> redes sociais // Além de dados de busca + dados de interesse, amigos, interesses, preferência de consumo, política = dados mais ricos ~> dados servem para calibrar os anúncios exibidos + manter você na rede // aumentar taxa de permanência (retenção) de acordo com seu gosto (mais do que você gosta)

 

“tudo alimenta essa máquina”

 

Por fim, João Falcão e Cristiano Lincoln Mattos discutem, em conjunto dos demais participantes da edição 2017 do Seminário da Feiticeira, os limites éticos e legais de dois casos: O poder dos dados da Cambridge Analytica eleições estadunidenses e o tão famigerado caso do Whatsaap.

 


Não deixe de conferir os outros debates da edição 2017 do Seminário da Feiticeira:

  • Deliberação do STF: interna corporis ou em rede nacional?
  • Profissional da privacidade: Medical records por Raul Cutait
  • O que mostramos e o que escondemos? Pudor, integridade e exibicionismo por Alan V. Meyer

 


> Assista aos encontros anteriores (Clique aqui!)


 

Conheça as obras do professor Tércio Sampaio (Clique aqui)

LEIA TAMBÉM
COMENTE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.