Como conseguir ser mais persistente nos estudos e outros projetos

0
Comentários
0
likes
0
Coment.
0
likes

Você já começou algum projeto e desistiu no meio do caminho? E quando promete que na segunda-feira irá começar a estudar com seriedade ou fazer aquela dieta que tanto promete, mas no meio da semana você perde o foco e não consegue dar prosseguimento?

Muitas vezes isso acontece porque você apenas pensa no resultado, mas nunca pensa no caminho que deverá percorrer.

Algumas técnicas são bem úteis para que você consiga superar esses momentos de dificuldade e consiga ser persistente:

Tenha consciência de que antes da melhora você passará pelo momento de dificuldade

Antes de toda melhora há o momento da piora! A partir do momento que você reconhece isso e toma consciência dos desafios que deverá enfrentar, dar prosseguimento aos seus projetos se torna mais fácil.

O melhor exemplo para essa situação é: pense que você deseja iniciar uma dieta. No primeiro dia tudo vai muito bem. Porém, a partir do momento que começa a sentir fome, que o tempo passa e que você não vê resultados na balança, você começa a ficar desanimado, e quando se assusta, já perdeu o foco e desistiu do seu objetivo.

Trazendo para a nossa realidade, que é estudar e ser aprovado em concurso público, você sabe que deseja ser aprovado. Porém, não está preparado para todos os dias ter que fazer as mesmas coisas, estudar várias matérias (inclusive matérias que não gosta), responder às pessoas por que tanto você estuda, estudar sem previsão de publicação do edital. São diversas situações que irão ocorrer com você e que não havia pensado anteriormente. Se você não tem consciência disso, diante da situação de piora, irá desistir do seu objetivo.

Por isso, tenha consciência de que antes que os bons resultados apareçam você passará por momentos de dificuldade.

Estabeleça atos e consequências

Não seja radical quanto as suas atitudes e procure uma margem do que é aceitável na sua rotina. Quando você é totalmente intolerante à alguma situação que possa atrapalhar o seu objetivo, quando você “sai da linha”, um pouquinho que seja, você logo pensa que já está tudo perdido.

Como exemplo, pense que hoje você deveria estudar durante toda a tarde e noite. Mas por alguma razão não pôde estudar à tarde, então você logo pensa assim: “já que eu não estudei de tarde, então não vou estudar à noite também, pois vou aproveitar para descansar”; “já perdi meu dia de estudo mesmo”. No exemplo da dieta, você foi para uma festa dizendo que não iria comer nada. Chegando lá, você logo pensa “já que eu comi um doce, não faz mal comer mais um”, e quando você se assusta já está bem distante do que havia prometido para si mesmo.

Para melhorar essa questão, estabeleça atos e consequências. Por exemplo, se você quiser ir à praia ao final de semana, então terá que ter cumprido a meta da semana. Nesse caso, estará livre para fazer coisas que gosta! Se for para a festa, então poderá comer alguns doces. Estabeleça um limite.

Não seja totalmente intolerante quanto ao que você não deve fazer, porque isso atrapalha a sua persistência. Crie uma margem do que é tolerável e estabeleça atos e consequências.

Estudar para concursos públicos requer persistência. O mais difícil dessa caminhada não é estudar de fato, mas sim conseguir lidar com todas as situações que acontecem durante essa trajetória.

Gostou da dica de hoje? Acesse www.planejaconcursos.com e obtenha materiais e planejamentos de estudo.


Veja também:

Conheça a obra da autora (Clique aqui!)

LEIA TAMBÉM
COMENTE

Uma resposta para “Como conseguir ser mais persistente nos estudos e outros projetos”

  1. […] o posicionamento e a postura dele, podemos identificar o que o destaca. Sabe o que é? É a persistência que, provavelmente, ele desenvolve nos estudos. Nada o impede de evoluir no aprendizado, de forma […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.