Prova para o cargo de Analista Judiciário do TRT – SP 2018 (Data de Realização 22/07/2018)

0
Comentários
0
likes
0
Coment.
0
likes

O Professor Bruno Villar comentou as questões de Raciocínio Lógico Matemático e Matemática do concurso para o Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo para o cargo de Analista Judiciário, que foi realizado no dia 22 de julho de 2018.

Analista Judiciário – (AJAA-AJAJ-OJAF)

Nair e Mariana receberam, no total, 198 processos para arquivar. Desse total, a maior parte foi entregue para Mariana. Depois da entrega, Mariana disse corretamente à Nair: “− Se eu lhe der um quarto dos processos que me deram para arquivar, você ficará com metade dos processos que vão sobrar para eu arquivar”. Nair respondeu para Mariana: “− Então eu proponho que você me dê um quarto dos processos que deram a você para arquivar”. Mariana aceita a proposta de Nair, o que implica dizer que Nair terá que arquivar x processos a mais do que teria que arquivar com a distribuição original de processos entre elas. Nas condições descritas, x é igual a

(A) 72

(B) 44

(C) 64

(D) 66

(E) 32

 

9N = 198

N = 198/9 = 22

M = 198 – 22 = 176

Dica: Mariana vai dar um ¼ dos seus processos para Nair.

¼. 176 = 176/ 4 = 44 (quantidade que será feita a mais por Nair)

Resposta letra B ( confere com o gabarito preliminar)

Em um julgamento sobre danos ambientais, a acusação apresentou o dado de que os 5 fornos de uma olaria consumiam 50 toneladas de carbono trabalhando 10 horas diárias por 15 dias. A defesa propõe reduzir as atividades da olaria para 3 fornos trabalhando 9 horas diárias por 18 dias. Comparando o consumo de carbono da situação apresentada pela acusação (15 dias, 5 fornos, 10 horas diárias) com a situação proposta pela defesa (18 dias, 3 fornos, 9 horas diárias), houve uma redução do consumo de carbono, em toneladas, de

(A) 20,4

(B) 12,4

(C) 17,6

(D) 32,4

(E) 28,6

Resolução:

1ª passo: Montar o quadro: Causa- Efeito

2ª passo: Montar o “x”

X=

Resultado = 50 – 32, 4 = 17, 6 (quantidade restante)

Resposta letra C (confere com o gabarito preliminar)

A sentença final de uma causa trabalhista indica que uma empresa terá que pagar R$ 2 450,00 para um trabalhador até o dia 10 de janeiro, com desconto de 15% caso pague antes dessa data. Caso pague depois do dia 10 de janeiro, a empresa terá que arcar com multa de 10% ao dia. Se a empresa fizer o pagamento ao trabalhador no dia 11 de janeiro, ela terá gasto x reais a mais do que se tivesse feito o pagamento no dia 9 de janeiro. Sendo assim, x, em reais, é igual a

(A) 612,50

(B) 306,25

(C) 428,75

(D) 857,50

(E) 122,50

Resolução:

Bônus por pagar dia 9 : 15% de 2450 = 367,50

Perda pelo pagamento dia 11: 10% de 2450 = 245

Valor final: 367,50 ( deixou de ganhar) + 245 ( pagou a mais) = 612,50

Resposta letra A ( confere com o gabarito preliminar)

Os meses de agosto e setembro têm, respectivamente, 31 e 30 dias. Às 16 horas do dia 4 de agosto de 2018, que é um sábado, um cronômetro, que estava inicialmente zerado, foi acionado. Esse cronômetro será desligado às 15 horas da primeira quarta-feira de outubro de 2018. O total de horas que o cronômetro indicará é igual a

(A) 1607

(B) 1420

(C) 1369

(D) 1419

(E) 1439

Resolução:

 

Quartas: 08/08 , 15/08, 22/08, 29/08, 05/09( 29 + 7 dias), 12/09, 19/09,26/09, 03/10 ( primeira quarta de outubro). Por isso, vamos ter dois dias de outubro fechados.

Total de dias completos : 27 + 30 + 2 = 59 ( 59. 24 = 1416 horas)

1416 + 8 ( dia 04/08) + 15 ( dia 03/10) = 1439.

Resposta letra E( confere com o gabarito preliminar)

Almir, Beto, Célio e Danilo trabalham em uma repartição pública e suas idades são: 30, 31, 32 e 33 anos, não necessariamente nessa ordem. Suas ocupações são: auxiliar de escritório, contador, ouvidor e escriturário, ainda que não necessariamente nessa ordem. Sabe-se que:

− o auxiliar de escritório, que é o mais jovem dos quatro, é primo de Almir e sempre toma café com Beto;

− Célio, que é o mais velho dos quatro, mora no mesmo prédio do contador;

− Almir é dois anos mais novo que o escriturário.

Nas condições descritas acima, é correto afirmar que, necessariamente,

(A) Beto é o escriturário.

(B) Danilo é o contador.

(C) Célio é o escriturário.

(D) Almir é o ouvidor.

(E) Célio é o ouvidor.

Resolução:

− o auxiliar de escritório, que é o mais jovem dos quatro, é primo de Almir e sempre toma café com Beto;

Conclusão parcial: Auxiliar – 30 anos- opções: Célio ou Danilo

− Célio, que é o mais velho dos quatro, mora no mesmo prédio do contador;

Conclusão parcial:

Danilo – auxiliar- 30 anos ( Célio não pode ser auxiliar)

Célio – 33 anos – opções: Ouvidor ou Escriturário

− Almir é dois anos mais novo que o escriturário.

Conclusão: Almir só pode ter 31 anos( idade que permite uma diferença de 2 anos), logo Célio é o escriturário ( a diferença entre eles é de 2 anos)

Resposta letra C( confere com o gabarito preliminar)


Veja também:

Conheça as obras do autor (Clique aqui!)

LEIA TAMBÉM
COMENTE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.