Divórcio: quem fica com os bens?

Divórcio: quem fica com os bens?

Uma questão bastante comum em relação ao divórcio é a pergunta: “quem fica com os bens”? Essa questão pode ser respondida a partir do regime escolhido pelo casal no momento do casamento.

O código civil prevê 4 regimes de bens para o casamento: comunhão universal de bens, comunhão parcial de bens, separação total de bens e a participação final nos aquestos. Qualquer casal pode escolher qualquer um desse bens antes de casar, seguindo o pacto pré-nupcial.

Mas o que significa cada um deles? Como as partilhas são realizadas no momento do divórcio? Que tipos de bens são partilhados? Essas perguntas são respondidas pelo professor Gediel Claudino de Araujo Junior, que fez um vídeo didático e explicativo sobre quem fica com os bens no momento da separação.

Assista:

Divórcio: quem fica com os bens? Confira a explicação do professor Gediel Claudino de Araujo Junior

 

Gostou do vídeo? Então confira aqui as obras do autor e se aprofunde no assunto!

[wp_bannerize_pro categories=” esquenta-black-Friday
” numbers=”1″]

LEIA TAMBÉM

LEIA TAMBÉM
COMENTE

4 respostas para “Divórcio: quem fica com os bens?”

  1. Carlos disse:

    E o casamento de pessoas com mais de 70 anos

    Antes era para maiores de 65 anos (Art. 1641 II CC/02) o casamento e obrigatório sob o regime de separação universal de bens, agora 70 anos conf. artigo 1641 II

  2. Carlos disse:

    E o casamento para maiores de 70 anos
    O artigo 1641 II CC previa o casamento com separação universal de bens para os maiores de 65 anos, agora este mesmo artigo foi alterado indicando a idade para maiores de 70 anos

  3. NADIR disse:

    ola bom dia,sou divorciada,mas não foi feita a partilha,meu casamento e regime parcial de béns,quando compra um carro ja divorciada,na hora da partilha conta com esse carro pra partilhar,e se seu ex marido esta junto com outra pessoa e não fez a partilha e continua comprando esse objeto de compra entra na pastilha,tipo carro pra namorada.outra coisa em relação a empresa os dois eram sócios e agora estão divorciados como fica a situação. uma vez que a empresa deve muito ele andou desfazendo de alguns móveis e imóveis,não tenho filhos menores, hoje brigo por uma casa 25 anos casada hj divorciada pago aluguel,tenho direito de entrar com pedido pra conseguir uma casa pra mim.a base da separação foi traicao,tento fazer acordo ele nao quer,tudo o imvestimento da empresa ficou com ele,ele me paga uma pensao de 4 mil,e ele fez um doc.assinado por ele e o contador da empresa registrado em cartório onde ele me desonera de tdas as dívidas da empresa,isso diante do juiz tem valor legal.

    • GEN Jurídico disse:

      Olá, Nadir,

      O blog GEN Jurídico é um periódico jurídico-científico, fonte de conteúdo base para militantes da área, que aborda as necessidades dos operadores de Direito em todas as etapas de sua carreira, seja na academia, Exame de OAB, advocacia ou concursos públicos.

      Devido ao propósito do GEN Jurídico, não possuímos profissionais para responder consultas jurídicas, e os autores que são advogados atuantes realizam esse trabalho através de seus escritórios e canais próprios. Assim, para esclarecer sua dúvida, recomendamos que procure diretamente o advogado de sua confiança por meio dos canais que ele disponibiliza para tanto. Em nosso site, infelizmente não podemos intermediar essa questão.

      Agradecemos por sua mensagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.