Minha homenagem ao Professor Carlos Alexandre de Moraes

0
Comentários
0
likes
0
Coment.
0
likes

Há quase dezoito meses eu escrevia com alegria o prefácio da obra Responsabilidade Civil dos Pais na Reprodução Humana Assistida, de Carlos Alexandre Moraes. Hoje, é com pesar que redijo estas palavras de luto. Recebi consternado a notícia do falecimento do jovem professor, vítima da Covid-19.

Carlos foi meu orientando no Doutorado da FADISP. Jovem, bem humorado, atento, muito estudioso e disposto, escreveu uma bela tese que foi escolhida a melhor da FADISP naquele ano e indicada para concorrer ao Prêmio Capes 2018. Dela, também decorreu a publicação da obra pela coleção Prefácio Rubens Limongi, cujo prefácio coube a mim.

Lembro-me do meu primeiro contato com o Professor, quando disse que estava ingressando no programa para ser orientado por mim, o que me deixou muito honrado.

Em pouco tempo de conclusão do doutoramento, Carlos demonstrou seu brilho e sua vivacidade. Durante todo o curso, foi ele um aluno exemplar, sem dúvida um dos melhores que passou por lá. Antes do doutorado foi coordenador do curso de Direito da UNICESUMAR e depois tornou-se professor permanente do seu programa de mestrado e doutorado, imprimindo nos trabalhos de seus orientandos as mesmas características que marcaram a sua própria produção intelectual, com destaque para um constante diálogo dos problemas do desenvolvimento científico e social, e sua adequada compreensão científica pelo Direito Civil.

A nós, caberá levarmos adiante a mensagem de vida de Carlos, sabendo desde já que será inevitável dialogar com os textos que nos deixou […]

 

Dedicado ao desenvolvimento científico e ao ensino jurídico, foi também o editor-chefe da Revista de Constitucionalização do Direito Brasileiro, fomentando um espaço de debates vanguardistas de nossa ciência.

É muito triste nos despedirmos de um jurista com tanto futuro e com tantos projetos sonhados, com espírito empreendedor e com energia para transformar tanto de sua comunidade e de nossa ciência. Perde a família, perdem os amigos, perde Maringá, perde o Paraná, perde todo o Brasil.

A nós, caberá levarmos adiante a mensagem de vida do Professor Carlos Alexandre de Moraes, sabendo desde já que será inevitável dialogar com os textos que nos deixou, preenchendo a saudade com a lembrança de tantas histórias, encontros, conversas e momentos felizes, e lamentando pelo brilho que a vida perde sem sua presença e humor.

À Lilian, esposa, e Isabela, filha que sentirão ainda mais a ausência de um esposo amado e um pai carinhoso, expressamos todo o nosso pesar, rezando para que Deus as console neste momento tão doloroso, e esperando que a lembrança da intensidade de vida que o Carlos teve possa consolar seus corações.

Flávio Tartuce e Carlos Alexandre Moraes


Leia os artigos de Carlos Alexandre Moraes

CATÁLOGO JURÍDICO UNIVERSITÁRIO (DOWNLOAD)

LEIA TAMBÉM
COMENTE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.