Confiança e segurança digital: confira a entrevista de Bruno Bioni à CBN

0
Comentários
0
likes
0
Coment.
0
likes

Bruno Bioni foi entrevistado pela CBN Tecnologia da Informação sobre confiança e segurança digital: de que forma assegurar que uma empresa pode garantir a confiança dos seus consumidores ao compartilharem seus dados com ela, considerando que a privacidade e a transparência são itens básicos para um acesso digital seguro.

Bioni destacou em relação à confiança depositada pelo consumidor no Estado que:

“Tivemos uma vitória na semana passada ao incluir a proteção de dados em nossa Constituição Federal como direito fundamental. Isso foi um passo importantíssimo que demos, pois nós, enquanto cidadãos e consumidores, temos agora esse direito. O Estado deve respeitar esse direito, deve arcar com uma série de salvaguardas e cuidados para não trair essa confiança que depositamos nele.”

Bruno ainda frisou que, tendo em vista a inclusão da proteção de dados pessoais na Constituição Federal, parte-se do pressuposto de que dados devem ser circulados na sociedade para proporcionar melhor execução de políticas públicas, a exemplo do Bolsa Família e de FIES, e de programas de créditos bancários e publicidade direcionada, porém devendo seguir as “regras do jogo”.

E, segundo Bioni, uma das principais regras seria uma perspectiva de transparência. Logo, o Estado não necessariamente pedirá o consentimento para melhor campanha pública, mas deve se cercar dos devidos cuidados para que não se utilize das informações de maneira inadequada. O voto de confiança deve ser, portanto, correspondido.

Dê o play e ouça a entrevista completa:

Confiança e segurança digital: confira a entrevista de Bruno Bioni à CBN

Fonte: brunobioni.com e CBN

 

Clique e conheça os livros do autor!

Bruno Bioni é designado para o Conselho Nacional de Proteção de Dados Pessoais e da Privacidade da ANPD

LEIA TAMBÉM

LEIA TAMBÉM
COMENTE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.