Aliomar Baleeiro

Aliomar Baleeiro nasceu em Salvador, em 5 de maio de 1905, e ingressou na Faculdade de Ciências Jurídicas e Sociais da Bahia em 1921. Nesse mesmo ano, também iniciou suas atividades como repórter. Ao se formar em 1925, deixou o jornalismo para se dedicar à advocacia, mas retomou em 1933, quando assumiu a direção do jornal O Estado da Bahia. Foi Deputado Federal pela Bahia, participou da elaboração da Constituição de 1946, e atou como Secretário da Fazenda do Estado da Bahia). Em 1965, renunciou ao mandato de Deputado Federal para ocupar uma cadeira no Supremo Tribunal Federal, tendo sido presidente da corte entre 1971 e 1973, aposentando-se em 1975. Exerceu o cargo de Professor de Regime Aduaneiro Comparado e Política Comercial, interinamente, na Faculdade de Ciências Econômicas da Universidade da Bahia. Obteve em concurso, por aprovação unânime, o cargo de Professor Catedrático de Ciência das Finanças da mesma Universidade onde lecionou também Direito Administrativo (1943). Conquistou, ainda em concurso, mediante aprovação unânime, a cátedra de Ciência das Finanças da Faculdade de Direito da Universidade do antigo Estado da Guanabara (1951), onde já lecionava desde 1947. Foi Professor de Economia Política no curso de doutorado da mesma Faculdade (1957-1958 e 1961-1962) e de Direito Financeiro e História Constitucional na Universidade de Brasília (1967-1973), além de Professor Emérito da Universidade do antigo Estado da Guanabara (1972) e da Universidade de Brasília, que publicou a coletânea Estudos de Direito Público em honra ao autor em 1976. No Conselho Universitário da Universidade do antigo Estado da Guanabara, exerceu os cargos de Membro do Conselho Técnico e Administrativo da Faculdade de Direito e de Diretor do Instituto de Estudos Econômicos da mesma Universidade, participando de comissões organizadoras de concursos nas Faculdades do Brasil, da Guanabara, de Santa Catarina, do Recife, da Bahia, de Minas Gerais. Foi também membro do Instituto Brasileiro de Direito Financeiro, do Instituto Histórico e Geográfico da Bahia, do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, da Academia Brasiliense de Letras, da International Fiscal Association e do Instituto Internacional de Finanças Públicas.

Últimas postagens do autor:
por
01.dez.2016
por
01.dez.2016
por
01.jan.2016